26 junho 2017

O que eu fazia da vida qdo n tinha internet?

Hoje foi meu segundo dia depois que li um texto enorme sobre detox digital, no site contente. Li porque meu maior problema é me questionar sobre o que eu fazia quando eu não tinha internet. Realmente não consigo me lembrar.

Quando eu realmente não tinha nada de internet, ou seja, até 2006, em tinha 11 anos e brincava bastante na rua com as outras crianças, via muita televisão com meus avós e meus tios e saía bastante com minha mãe e minhas primas. Quando o primeiro computador que eu tinha acesso surgiu eu jogava o dia inteiro sem parar, até minha mãe ficar danada com essa história. Jogava uma joguinho do Tarzan que era sensacional e não precisava de internet.

Quando tive acesso a internet eu vivia no orkut e no site da Capricho, não sabia navegar muito bem, mas lia vários blogs e gastava MUITO tempo no msn. sdds. Cuidando de uma super doação de fotos fake. E aí quando eu não estava na internet estava com os amigos do condomínio novo, lendo a capricho e estudando. Depois que passei a ler mais livros e mudei um pouco meus amigos eu passava ainda bastante tempo no msn, no orkut, vendo blogs e agora cuidando do meu próprio blog. Esse local maravilhoso aqui. Mas eu saía bastante, ía na biblioteca pública, no Dragão do Mar, na praia, nos shoppings e sempre batendo muitas fotos pra colocar no orkut. Era um deleite.

Mudei de colégio e em 2011 eu morava com minhas primas, então estudava bastante e passava um tempinho arrumando a casa que era enorme e brincando (? n sei se eu brincava msm, acho que sim) com elas. Nessa época eu não tinha notebook e era um pouco chato ficar sentando no desktop e seguir todo aquele processo pra ligar e desligar, então eu via muita televisão, assistia muitos filmes e escrevia em diários de verdade. Nessa época eu acessava a internet pela lan house tbm, o que era mais raro porque eu tinha que pagar e na época meu saldo era zero. Quando saí da casa das minhas primas, fiquei mais isolada em casa, talvez nesse período eu tenha me tornado mais intimista.

Em 2012 eu passei por várias casas, uma delas era no centro e eu até ficava bastante na internet, mas ía muito pro centro porque eu já estava lá! era genial. Comecei a namorar e estava sempre saindo, falando no telefone e passando o dia inteiro na escola. Em 2013 e 2014 houve uma grande pausa na internet pra mim porque eu não tinha computador, então eu ficava bastante tempo em casa vendo tv, fazendo colagens, decorando meu quarto, organizando minhas coisas obsessivamente e tudo mais. Depois comprei meu computador com o novíssimo salário, mas não tinha internet e acho que isso foi até bom, porque eu saía bastante, ficava um tempo comigo mesma refletindo, mas acho que isso foi até ruim porque foi uma das piores fases da minha vida. Comprei um celular e finalmente cheguei nesse buraco que estou.

Hm. Retrospectiva interessante. Hoje eu praticamente acordo e durmo na internet, e realmente existem muitas coisas iradas pra se ver, mas como estou ficando um pouco preguiçosa e muito seletiva, esse conteúdo todo está me deixando meio enjoada e eu não sei exatamente onde as mudanças devem ser feitas. Meu maior problema foi ter encontrado coisas interessantes demais pra fazer enquanto eu deveria estudar os conteúdos da faculdade. Tive perdas horríveis.

Acho que depois do detox eu estou mais tranquila em saber que não sou tão obcecada em internet assim, só sou uma boa preguiçosa pra estudar que arrumar qualquer pretexto. Mas ainda me perco nas redes sociais, eu não gosto de ter várias contas pra ficar me perdendo em um vazio estranho. Tenho fcbk pra me relacionar de alguma forma com meus amigos, o twitter pra ver o que as pessoas que eu acho legal falam, o pinterest pra... sei lá pra que serve aquilo, o we♥it pra salvar as fotos bonitas que vejo por ai, mas hhmmm já to achando sem graça, o filmow pra marcar os filmes que eu quero ver e aaaaaarghhh eu vou morrer com essa ruma de coisa. Chega. Gostaria de reunir tudo isso que sou nesse blog, só não tenho certeza de como fazer isso.

Nenhum comentário: