09 junho 2017

E daí?

     Uma professora de filosofia compartilhou um comentário que dizia que saber de cara se alguém gosta do B...aro é motivo suficiente pra abortar a missão relacionamento. Achei engraçado, mas quando li os comentários eu fiquei meio assustada com a quantidade de pessoas que diziam que de fato faziam isso. 
     Outro dia me contaram que uma menina tava saindo com um rapaz e ele falou altas coisas homofóbicas e ela ficou arrasada pq tava gostando tanto dele, mas ai um colega dela falou "amiga, ngm nasce desconstruído!". Achei isso genial! Tenho um amigo no trabalho que vê no estilo militar de governar uma grande saída para essa loucura toda, tem outro amigo que diz que bandido tem que morrer mesmo, tenho colegas que simplesmente n ligam pra nada disso e preferem ignorar totalmente os acontecimentos, mas eu AMO essas pessoas pelo que são e n pelo que pensam que nem influi tanto em como ela é legal cmg e com os outros, influindo apenas quando ela vai lá na urna secretamente e vota em quem ela quiser pq quem gosta da democracia somos nós. Amo ainda mais quando começamos a conversar sobre esses assuntos e eu acabo aprendendo muito (n sobre jeitos radicais de se pensar, mas o que levou aquela pessoa a pensar daquela forma). Nessas conversas, o amigo que gosta do B...ro ficou meio pensativo sobre isso quando perguntei "pq falam tanto mal do comunismo pq cerceia a liberdade, mas ao mesmo tempo querem uma espécie de regime militar? Ou vc acha que esse candidato n vai influenciar na sua liberdade pq vc se acha um homem de bem?". Não me importa se ele mudou de opinião, o nome dessa porcaria toda é democracia que a gente tá vendo que n serve tanto já que alguém que me ensina sobre democracia e justiça fala que eu posso usar a opinião política como peneira. Cada qual com suas peneiras, tbm tenho as minhas, mas se alguém n quisesse nem me conhecer pq sou de esquerda eu ia ficar mto p da vida.

     Comentei na postagem da professora que (coitada, eu aqui limitando sua capacidade de se expressar como quiser só pq ela é professora e eu acho que ela tem só que influenciar pro bem 24h) qdo ela pediu pra gente ler A república de Platão eu entendi que a paciência de Sócrates pra conversar com o Trasímaco era algo interessante, pq ele n dizia "ai sai daqui seu estúpido, vc n merece minha sapiência" mas ficava questionando as convicções do cara até ele ficar martelando sobre aquilo que ele tinha tanta certeza. Minha professora respondeu que Sócrates acabou condenado a morte por uma acusação falsa de Trasímaco. Fiquei. Arrasada. Não há saída.
     Quer dizer, vc faz amizade com quem bem entender (e o pior do fcbk é isso: aqui estou eu dizendo c quem ando e deixando as pessoas dizerem quem sou). Outro dia ouvi falar que a esquerda estava querendo boicotar o filme do Plano Real, exatamente como fizeram com Aquarius, e a pessoa que me contou isso soltou um grande "e daí???! Voc vai morrer? Virar uma estátua de sal? É só n ir assistir".
     A sociedade, um pouco como a internet, está deixando de ser uma janela para virar uma grande espelho: é aquilo que acho certo, o que eu acho bonito, o que é acredito e o que penso, eu sou certa e eu de novo, eu sou melhor pq votei em alguém, eu sou melhor ainda pq votei em alguém mas me arrependi. E daí?!

Nenhum comentário: