sexta-feira, 31 de março de 2017

Taeko trabalhando





Taeko é uma rainha!

Desde pequena via minha mãe usando ternos e blazers para trabalhar, porque num cartório era exigido. E ela sempre trabalhou em cartório. Hoje eu trabalho em um cartório, e quando comecei fiquei super animada com a ideia de usar um terninho todos os dias, mas com o passar do tempo e o cansaço fui adaptando minha farda para algo horrível que é hoje.

Eu me sinto aquelas crianças da 4ª série que passavam o recreio correndo e rolando no chão e terminavam com a farda absolutamente imunda, rasgada e amaraleda que não tivesse lavagem que melhorasse.
Minha farda está rasgada bem no sovaco! Minha calça está com cheiro horrível. Meu blazer está tão apertado porque engordei que não consigo vesti-lo e minha farda fica incompleta. Uso uma sandália baixa que mostra os dedos e é maior que meu pé ou uma alta que não consigo andar.

Por essas razões, fico sempre babando nas roupas de trabalho que vejo algumas pessoas usarem. Eu sei que buscar inspirações não é muito bom pra mim, mas acho que é o meu desejo de querer copiar e não de achar bonito que me deixa triste no fim das contas.

Queria ser elegante e leve e simples como a Taeko. Imagino que todo mundo no Japão se vista assim, mas não encontro nada na internet.

0 comentários:

Postar um comentário | Feed