segunda-feira, 27 de março de 2017

Pois é eu não estudei e só fiz bobagem

Essa semana tenho duas provas muito difíceis e deixei de viajar no fim de semana pra poder estudar. Eu não consegui estudar porque tudo me distraía, as fotos de roupas, as imagens interessantes, as músicas, os vídeos... a internet. Eu acordava e passava o dia inteiro, in-tei-ro, na internet. Quando não eu ficava imaginando "o que eu fazia sem internet?". Por que a nossa vida, digo, a minha vida se tornou um reservatório de mídia e por mais que eu me descabele brigando contra as empresas e seus comerciais inúteis e miseráveis eu esqueço o quanto perco tempo me entregando a internet, ao google, a quem tenho quase como um amigo principalmente por causa desse blog onde guardo boa parte da minha vida.

Os zines sempre parecem um escape, mas o que fazemos quando não estamos lendo, ou ouvindo, ou vendo... Por isso produzir é tão complexo e no fim prazeroso, mas muito difícil de começar. Será que eu deveria viver um tempo sem internet e inspirações? Na época que eu fazia várias colagens eu não via sites e nem nada disso e eu produzia muito, com ideias aleatórias que surgiam na minha mente a partir de memórias remotas de algo que eu já tenha visto aqui ou ali. Não são as redes sociais que me prendem, mas as possibilidades, aquilo que eu posso ver e o que posso compartilhar. Bem... acho que é hora de eu voltar a fazer meus resumos e de fato consumir o que vejo.

Fiquei tão espantada comigo mesma por salvar milhares de fotos de coleções sem me perguntar o que aquilo significava, eu estava salvando por salvar, como se eu trabalhasse com aquilo ou não tivesse mais nada de interessante a fazer.

Esse fim de semana eu reservei pra estudar, mas fiquei como uma boba pesquisando a fonte de fotos que eu achava interessante. Espero pelo menos tirar algo de bom daquilo tudo. Acho que estou crescendo e eu poderia achar isso muito ruim, mas estou achando bom porque é como se por alguma razão eu estivesse voltando: quando eu era menor as coisas deveriam ter sentido e eu gostava de algo por gostar e não por alguém gostar e eu ser fã desse alguém e ai eu gostar junto. Que nem o all star que eu comprei só porque a Beyoncé publicou duas fotinhas no instagram. Nunca usei esse sapato.

Que revolta. Brunna se toque!

Nenhum comentário: