terça-feira, 12 de janeiro de 2016

O que me prende.

"Rendemos tributos a Deus que nos permitiu superar obstáculos aparentemente insuperáveis, e estarmos, aqui e agora, exaltando, com a veemência nascida do ventre de uma genuína emoção"

"Tenho, sempre a meu lado, o Deus Cronos, que me adverte para não me exceder."

"Em louvor a uma obra meritória que transcende as fronteiras da assistência material, como expressão de fé na solidariedade que redime o homem e o aproxima do criador."

 "Essas flores que falam, em sua linguagem muda, de afeto e agradecimento"

"Contra os responsáveis pela violência difusa sem rosto devemos encontrar-nos na férrea defesa dos direitos humanos de todos os indivíduos, não importa sua cor, sua raça, seu sexo, sua idade, em especial os vitimizados por uma sociedade excludente; os vulneráveis; as crianças da rua"

"Uma gota continuada rompe a mais dura pedra."

César

Nenhum comentário: