19 março 2012

Bem assim.

“Porque agora eu estou assim. Neguinho se aproxima, e junto com a aproximação, meu ceticismo, que as vezes, fica meio adormecido, desperta. E eu penso com os meus botões: ”Se for pra se aproximar, faça a diferença. Senão, se afaste”. E eu acho que no fundo, isso acaba afastando de nós as pessoas. Porque a única maneira de saber se alguém é de verdade ou não, é se aproximando. E nessas aproximações, ocorre uma troca tão bonita, que me faz relevar certas coisas que não relevaria se não valesse à pena. Algumas pessoas valem. Algumas.”
Aghata Paredes. 

Nenhum comentário: